Destaque para as ações de bondade

16.10.13 |

Provavelmente você já viu ou ouviu a famosa frase do profeta Gentileza que diz: "Gentileza gera Gentileza". Sempre concordei com essa expressão, afinal quando vemos boas ações somos incomodados a fazer o mesmo; quando recebemos um favor é comum ficarmos mais dispostos a retribuir ao contrário de quando somos tratados com arrogância e falta de amor (não disse que devemos devolver na mesma moeda...).


Na semana passada, vi uma reportagem que me fez pensar mais ainda sobre isso. O vídeo mostrava boas ações, na cidade de Recife, captadas por câmeras de segurança. Esses aparelhos foram instalados com o objetivo de observar atitudes contra o bem do povo e identificar os devidos infratores para punir ou corrigi-los, contribuindo para a segurança da população em geral. E deu certo! Com o tempo, a quantidade das infrações foi diminuindo e os 'vigias' das imagens foram observando as atitudes louváveis flagradas.

Aí vem o que despertou minha atenção! Ao discutir uma das possíveis causas para essa 'onda de solidariedade' (como a repórter chamou), a proposta foi que ao diminuirem as ocorrências nos locais monitorados, sobrou tempo para que as ações de bem fossem notadas. Ou seja, o mal sufocava e acabava por impedir que o bem fosse visto.

Não acredito que as boas ações começaram a acontecer agora; elas estavam acontecendo a todo momento, porém as ações ruins eram maiores e tomavam toda a atenção. Somente quando o mal ficou de lado é que a atenção se voltou ao que havia de bom.

E nas nossas vidas, quantas vezes voltamos nossa atenção ao mal e deixamos o bem de lado? Quantas vezes não respondemos com bondade até mesmo o que chegou até nós com falta de amor? Ou ainda, quantas vezes parte de nós atitudes ruins e não as boas atitudes, que farão bem ao nosso próximo?

Com certeza o bem que plantamos volta pra nós como frutos lindos e abençoadores. Jesus nos ensina que devemos fazer aos outros aquilo que queremos que nos façam (Mateus 7.12); e o apóstolo Paulo também nos diz que "enquanto tivermos oportunidade, devemos fazer o bem a todos" (Gálatas 6.10) e que "somos feitura de Deus, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas" (Efésios 2.10).

Somos chamados a despertar nossos olhares ao bem. Somos convidados a agir com amor em todo o tempo, a espalhar a bondade, a viver a gentileza, a fazer o bem sem olhar a quem e mostrar ao mundo que o que nos impulsiona a agir assim é o amor de Deus que nos alcançou.

Forte abraço!


Talita Cellia

Talita Cellia

Sou a Talita, 20 e poucos anos e quase professora de Química. Vivendo em Vitória/ES. E meus amores são família, amigos, música e, acima de tudo, Papai do Céu.

Leia mais textos de Talita

  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Celina

Oi Talita :)

Seu texto falou muito comigo. Ele se encaixa exatamente para o momento que estou vivendo. Foi uma palavra de conforto e ao mesmo tempo de confronto, haha.

Obrigada,
Deus abençoe

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página