"É que o sagrado se tornou hilário..."

8.7.13 |


“Ai do mundo, por causa dos escândalos; porque é mister que venham escândalos, mas ai daquele homem por quem o escândalo vem!” Mateus 18:7.

A frase que dá nome a este texto pertence à música “Sagrado” da banda Palavrantiga. Esta canção questiona a capacidade humana de querer transformar algo eterno, divino e sem bandeiras em algo efêmero e mesquinho. Neste princípio, as doutrinas se vão na mesma intensidade em que chegam, o que causa grande constrangimento, um “riso amarelo”.

Como um dos editores do blog, me chateia um pouco trazer à tona um assunto outrora tratado aqui. Parece que falta conteúdo! Mas o que mais me dói e porque tais assuntos são muito recorrentes. Talvez sejam porque aqueles que disputam um “evanjélio” comercial não tomaram uma postura verdadeira diante de Deus; talvez porque a Igreja que busca para si o evangelho genuíno e espiritual não tenha conseguido combater estes malfeitores.

O vídeo abaixo seria muito engraçado se não fosse verdadeiramente trágico. Podemos ver um teatro satânico em que fingem colocar o Espírito de Deus no pedestal principal, mas o único intuito é causar confusão aos incautos e disputar um mercado extremamente potencial e consumidor. Lembro-me de ver uma entrevista do João Alexandre em que ele dizia: “Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará! Se você não conhecer, alguém conhece por você e te escraviza!” E se tais fatos ainda são audiência é porque ainda existe uma grande parcela de interessados no cristianismo que, como disse o profeta Oseias, tem se perdido pela falta de conhecimento e pela preguiça de aprender.

No sermão do monte, Jesus disse que “bem aventurados são os que têm fome e sede de justiça, porque serão fartos”. Se Deus é Deus de justiça, se a nossa sede de justiça será satisfeita, então entendemos que deveremos combater ferrenhamente a injustiça feita em nome de Deus. A grande questão é: como?

Na minha concepção, a santificação de nossos corações é o primeiro caminho para a transformação de nossas vidas. Ela nos torna mais unidos, mais comuns, mais atraentes. Não se trata de pescar no aquário dos outros, mas trazer resposta de Deus em meio a esta sequidão. E voltando á música mencionada no início: “E agora, tanto faz o que é sagrado. Nada importa se isto tudo não for antes santificado bem no interior do meu peito, deserto”.

A resposta de todo este imbróglio se dá nisto: aprofundemos em conhecer a palavra, santifiquemos nossas vidas, vivamos uma relação intensa com Deus e nossa luz brilhará, atingindo a todos os cegos e perdidos de coração.





Eliézer Gomes

Eliézer Gomes

Publicitário, casado, músico por hobby, ministro de louvor, apaixonado pela escrita e agora, tentando ser blogueiro.

Leia mais textos de Eliézer

  • Google Plus
  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página