O Time de Deus - Parte 2

4.2.13 |


"E os onze discípulos partiram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes tinha designado.
E, quando o viram, o adoraram; mas alguns duvidaram. E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém." [Mateus 28:16-20]

Em minha última publicação, tive a oportunidade de traçar um paralelo entre o povo de Deus e um time de futebol (que pode ser aplicado a qualquer esporte coletivo). Ressaltei que o povo de Deus terá melhores resultados em seu ministério quando pensar como um time, sublimando as diferenças e colocando em voga o interesse comum: o evangelho e a salvação de vidas.

Engraçado é que este tema se fez recorrente quando ouvi o técnico Luiz Felipe Scolari apresentando a última convocação da Seleção Brasileira de Futebol. Quando saiu a lista, logo começaram a surgir os comentários: “fulano não está jogando nada e foi convocado; beltrano está muito mais preparado e nem foi relacionado”.

Tais comentários me fizeram lembrar o texto acima. Lembrei-me que todas as vezes em que este texto é colocado como centro de mensagens, sempre se ressalta o IDE e a importância de estarmos preparados para cumprir este mandamento. Mas, propositalmente, trouxe uma referência de uma mensagem que ouvi, que trabalhou o mesmo texto acrescentando dois versículos anteriores.

É possível constatar que este mandamento foi dado pelo Jesus ressurreto para o seus discípulos e a ordenança foi passada tanto para os que O adoraram quanto para os que duvidaram da sua ressurreição. Jesus não fez a seleção dos que estavam mais comprometidos e preparados; Ele envolveu a todos na tarefa. Certamente, os que duvidaram da ressurreição e aceitaram os desafios, colheram grandes frutos e fortaleceram sua fé. Os que adoraram, tiveram sua fé coroada por cada tarefa cumprida.


Voltando à convocação da seleção, todos nós estamos convocados na tarefa de apresentação do evangelho, mas é certo que nem todos nós estamos preparados. Talvez, creio que Deus nem esteja necessitando do seu total preparo para fazer coisas por Ele; talvez você esteja duvidando de muitas coisas; talvez sua vida diante de Deus esteja no ápice da adoração. Com certeza você vai se encaixar em um destes cenários, mas, o que importa? Está sedento por fazer algo por Deus? Ponha se diante d’Ele, peça Sua direção e mãos à obra, até porque nosso time precisa continuar vencendo. Vamos rumo a mais uma vitória.


Eliézer Gomes

Eliézer Gomes

Publicitário, casado, músico por hobby, ministro de louvor, apaixonado pela escrita e agora, tentando ser blogueiro.

Leia mais textos de Eliézer

  • Google Plus
  • rss


Entenda o motivo do blog ter ficado parado clicando aqui.

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página