O que está próximo

21.2.13 |


“...amar o próximo como a si mesmo...” (Marcos 12:33)

Parece até que não há nada a acrescentar no “novo mandamento” de Jesus. Você pode falar: Mas ele já não é claro o suficiente? Não se auto-explica? Há algo a acrescentar? Eu  respondo. Não! Não há nada a acrescentar, mas há muito a aprender.


Você já ouviu alguma pregação sobre esse texto, eu sei: Que nós precisamos amar a Deus mais do que ao dinheiro, ao lazer, ao trabalho, à sua esposa, a seu marido, a seus filhos e irmãos, mais que seus bens materiais. E temos que amar o nosso próximo, todas as pessoas, como a nós mesmos. Que você tem que amar aquele desconhecido que passa por você pela rua, o mendigo que está sentado no chão da praça, aquele vizinho que foi descortês com você; e que precisamos, por amor, nos empenhar e ir ao encontro dessas pessoas, falar do amor de Jesus para elas.

Recentemente, passei por uma experiência que me fez questionar essas pregações. Obviamente, não a seu conteúdo, pois, como eu disse, não há nada a acrescentar. Mas vejo que o que se prega é uma complicação do que, na verdade, é simples. Aconteceu que perto de mim, no meio de minha família, estava uma pessoa que passava por um estado depressivo gravíssimo, talvez beirando o suicídio. Marcas de autoflagelação pelo seu corpo, sinais de inadequação social e isolamento eram só alguns dos sinais resultantes de uma série de eventos traumáticos que aquela pessoa tinha sofrido. Bem ali, no meio da sua própria família, essa pessoa estava caminhando para, talvez, sua autodestruição.

Questiono-me: como somos subjugados com o fardo de amar a todos se não conseguimos enxergar as pessoas que, de fato, precisam do amor de Deus? Na verdade, nós não precisamos ir ao encontro dos desconhecidos para amá-los; acredito sim que devemos amá-los e nos esforçar para aproveitarmos toda oportunidade que nos for dada para demonstrar esse amor, mas o evangelho de Jesus é simples e acredito na simplificação da passagem bíblica que citei. Uma interpretação um pouco mais literal talvez caiba para ela. Amar quem está próximo! E quem está próximo de você? Você o tem amado como a si mesmo? Talvez você encontre alguma dificuldade para amar aquele que não conhece e, ainda assim, é nosso dever fazê-lo... mas comece por amar aqueles que estão, de fato, próximos de você e que você, talvez, nem perceba o quanto estão carentes de amor.


Ronan Valverde Medeiros

Ronan Valverde Medeiros

Sou químico, e não, eu não sei fazer uma bomba e nem tenho porque saber. Meu nome é Ronan Valverde Medeiros, moro em Viçosa-MG, mas estou sempre em Vitória-ES.

Leia mais textos de Ronan

  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página