Cabelos brancos

3.10.12 |


"Diante das cãs te levantarás e honrarás a face do ancião." – Lv 19.32

Dia 27 do mês passado foi o dia do idoso. E eu pensei, a semana toda no quanto temos deixado de honrar os nossos anciãos. A gente entra no coletivo e há jovens assentados nos bancos reservados para os idosos... e eles ainda fingem que dormem se algum senhor ou senhora olha para eles. Entramos num banco ou supermercado e vemos apenas um caixa preferencial para dezenas de idosos que têm que esperar, às vezes, mais do que as outras pessoas esperam nos demais caixas. Vamos à casa de algum amigo e vemos vovôs e vovós esquecidos numa cadeira de balanço com um tricô no colo, ou postados diante da tv em que passa uma novela qualquer, enquanto os demais membros da família conversam, jantam juntos, se divertem num jogo de cartas ou conversando com amigos. Vamos à igreja e... na igreja é diferente, né? Que nada! Vemos os idosos nos mesmos bancos de sempre, assistindo a um culto barulhento, tendo que deixar de lado os hinos do passado que gostam de cantar e sendo obrigados a ouvir sermões que, cada vez mais, não têm nada a ver com a pregação com a qual estão acostumados; aquela pregação que fala de salvação, de esperança e firmeza na fé.

Enfim, os idosos, cuja média de idade tem crescido a cada década, vão, aos poucos, perdendo todos os espaços para a geração mais jovem, mais ativa, que se acha no direito de ditar todas as regras, esquecendo-se da contribuição que os mais velhos poderiam dar para o seu crescimento como pessoas, como cidadãos e, principalmente, para o seu crescimento espiritual.

A terceira idade, que virou "melhor idade" para compensar com palavras a carência de gestos de amor e solidariedade, tem sido mesmo esquecida: pelos governantes, pela sociedade em geral, pela família, pela igreja. Não temos, em nossas comunidades, programas que sejam realmente voltados para os nossos idosos, dando-lhes oportunidade de se sentirem parte dos ministérios, parte do Corpo, valorizados em seus dons e reconhecidos pela contribuição que tenham dado à Igreja local. Não temos espaço pra eles nos cultos, nas programações. Não damos a eles a oportunidade de falar, de demonstrar suas habilidades, de interagir com os outros segmentos da igreja. Pelo contrário. Nós os isolamos em reuniões de oração padronizadas ou em reuniões sem criatividade, sem a participação de outras faixas etárias, que poderiam ajudá-los e demonstrar a alegria por eles fazerem parte da comunidade de fé.

Dia do idoso deveria ser todo dia. No Japão, o respeito, a honra que se dá aos antepassados é de causar vergonha a nós, brasileiros. Em outras culturas também há essa valorização. Acho que já é tempo de nos lembrarmos do versículo citado; de nos levantarmos em respeito e honra diante dos cabelos enbranquecidos e das faces enrugadas. É hora de pensar que rugas e cãs são sinais de muita vida, de muita luta... e, dentro das igrejas evangélicas, são também, a maioria das vezes, sinais de muita perseverança, amor e fé.

Temos muito a aprender com os idosos. Não vamos perder a oportunidade de nos deixar ensinar por eles. Por isso quero terminar, pedindo a sua bênção (coisa também completamente esquecida nos dias atuais), vovôs e vovós!


Lisieux Souza

Lisieux Souza

Olá! Meu nome é Lisieux, tenho 57 anos, moro em BH e escrevo por pura paixão. Sou poeta,teóloga e pastora...e mãe da Lili!

Leia mais textos de Lisieux

  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

3 comentários

lisieux

Que bom que o texto te tocou, Luiz! De fato, temos que ficar incomodados pelo descaso que há com nossos anciãos... E nem sabemos o que estamos perdendo, pois eles são uma escola de vida, sabedoria, humildade e fé! Abração!

lisieux

Olá Bebel! Bom que veio nos visitar! Agora, me pedir a bênção, foi sacanagem! hehehe

lisieux

É verdade, Laissa. Com-VIVER com os velhinhos é mesmo uma dádiva! Vamos aproveitar e sugar deles tudo o que eles nos podem ensinar e ter respeito e carinho por sua história! Bjos

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página