Que correria!

25.5.12 |


Outro dia estava andando (quase correndo) por uma das ruas mais movimentadas do Centro de Belo Horizonte em direção à Praça da Liberdade, para encontrar uma amiga. No meio do percurso, deparei-me com uma cena que me deixou intrigada. Nesse dia, não sei porque, eu notei e parei para observar essa cena, que deve acontecer com certa frequência. Era horário de pico, umas 17h30. Muita gente saindo do trabalho, outras entrando, gente correndo pra pegar o ônibus pra casa, pra faculdade, ou pra buscar as crianças na escola.

No meio desse corre-corre, vi um senhorzinho de uns 80 ou 90 anos, andando bem lentamente. Ao redor dele, estavam as pessoas quase atropelando o coitado, pois corriam em direção aos bancos, às igrejas, às lanchonetes, ao seu outro emprego ou em direção a nada! Era o meu caso. Por que eu estava correndo? Nem estava atrasada! Parei no meio da rua e fiquei observando aquele velhinho. Se eu tivesse uma caneta e um papel na hora, talvez tivesse escrito um texto muito mais inspirado do que agora. Fiquei pensando para ver pra onde ele estava indo. Não estava com cara de que estivesse atrasado e, muito menos, com pressa. Estava sereno, tranquilo e com um pequeno sorriso no rosto. Talvez estivesse rindo de todo aquele corre-corre e pensando em como ele mesmo corria (talvez um pouco menos) quando também era jovem.

Parei pra refletir: por que e pra onde estamos sempre correndo? Muitos dizem: "Preciso correr por que estou sem tempo", ou "estou correndo pra ganhar tempo". Estamos sempre correndo e continuamos sem tempo para nada. Engraçado não? Dizemos que não temos tempo para os filhos, para a família, para os amigos, para DEUS! Na pregação de domingo, o pastor disse uma frase de que gostei muito e com que concordei: "Em um mundo corrido e sem tempo onde vivemos, uma das maiores provas de amor que podemos fazer é DEDICARMOS tempo a quem amamos". E isso pode e DEVE ser aplicado, principalmente em relação ao nosso Deus e sua obra, dedicando tempo a Ele, ao seu ministério, às pessoas... Ah! A gente dá conta, vai! Não encontramos tempo para ficar no Facebook? Não encontramos tempo para ler alguns textos, bobos como esse?

Falta-nos tempo para nos lembrarmos dos ensinamentos da Palavra da verdade que vem d'Ele; mas hoje quero lembrar com você, um deles: "Portanto, vede prudentemente como andais, não como ignorantes, e sim como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus." - Efésios 5. 15 e 16

Caso você tenha tempo, medite sobre este texto. E, até à próxima... É que, sabe..."tô numa correria..."



Anna

Anna Elisa Souza (Lili)

Sou mais conhecida como Lili. Formada em Jornalismo pela PUC Minas e apaixonada por leitura e escrita desde criança.

Leia mais textos de Anna

  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

2 comentários

Anna Rachel

aHHHH Paaaaraaaaaaaaaa... MIRMÃ vc arrasou!!! Mto bom mesmo!!!

Filipe

Muito bom meu amor! Ótimo texto.
Quanto mais coisas pra aproveitar o tempo, menos tempo pra o que realmente importa a gente tem.

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página