Ah, é pra Deus! | Parte 01

17.4.12 |


Antes de começar a despejar sobre você um monte de informações, que peço que sejam analisadas de acordo com a bíblia, quero informar que este post terá continuações. A intenção é tratar sobre o complicado assunto que é desenvolver algo para Deus, abordando temas relacionados a situações que já presenciei. 

A propósito, a imagem deste post é uma pequena sátira, então, amigos designers, relaxem! Eu não fiquei maluco! 

Além da bíblia, vou utilizar dois livros que recomendo que você leia. Eles são voltados para arte, mas tenho certeza que acrescentarão muito em sua caminhada ministerial seja em qual área for. Os livros são: A arte não precisa de Justificava - H. R. Rookmaaker e A arte e a bíblia - Francis A. Schaeffer

Gostaria de fazer umas perguntas que se você responder nos comentários vai enriquecer bastante esta série:

- Você atua em um ministério no local onde congrega?
- Você trabalha de que forma para a edificação do Reino de Deus? 
- Como você encara a capacitação(estudar) para desempenhar trabalhos específicos em sua comunidade de fé, é uma necessidade? 
- Qual a importância da técnica? 
- O que é unção pra você? 

Não sei quais serão suas respostas, mas gostaria de expor minha opinião sobre alguns dos assuntos levantados nas perguntas acima. Penso que existem dois tipos de trabalho: para a instituição religiosa igreja e para o Reino de Deus. Isso é algo que aprendi depois de muita observação: participar das atividades de uma instituição religiosa, na maioria das vezes, não tem nada a ver com fazer de fato a vontade de Deus. 

Então, pode ter muita gente perdendo tempo pensando que está fazendo a vontade de Deus e na verdade está trabalhando em prol dos interesses que são apenas de uma instituição religiosa?! Sim. É isso mesmo!

É uma infelicidade, mas existem instituições que falam em nome de Deus, realizam coisas em nome dEle, dizem representá-lo, mas estão muito distantes dos propósitos bíblicos para a vida do ser humano e mais distantes ainda da doutrina deixada por Jesus para os apóstolos e que graças a Deus chegou até nós!

Mas, alegre-se, existem muitos casos que o ato de participar das atividades de uma instituição está diretamente ligado a fazer a vontade de Deus. Apesar de não ser sobre isso especificamente que tratarei nos próximos posts, gostaria de expor minha opinião sobre esta diferenciação que faço entre os tipos de serviço. Julgo que seja importante que você saiba minha opinião sobre isto pra que o que escreverei fique mais claro. 

Antes de me despedir, recomendo um texto meu, escrito em 2010 se não me engano, que fala mais especificamente sobre este assunto. Caso se interesse está no seguinte link: Rótulos que mudam conteúdos.

Bom, por hoje é só, até o nosso próximo encontro que será na próxima quinta-feira se Deus permitir!

Forte abraço!


Luiz Fernando Pimentel

Luiz Fernando Pimentel

Sou designer freelancer, arranho uns acordes em minhas guitarras e moro em Vitória/ES.

Leia mais textos de Luiz

  • Google Plus
  • SoundCloud
  • Vimeo
  • Youtube
  • Blogger
  • rss

Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página