Proverbial

20.12.11 |

É proverbial que o filho insensato traz tristeza a seus pais e, mais especificamente, pro seu Pai. Mas o que eu quero dizer com isso? Primeiro, que não sejamos insensatos.

Mas antes de tudo vamos tentar definir a insensatez.

Tudo aquilo que é feito sem o temor de Deus é insensatez e tudo aquilo que é feito pra contrariar a disciplina e a Sabedoria também. Portanto, aquele que ri do que não conhece é um insensato e tanto. Mas, espere um pouco. O que ganhamos sendo sábios (o contrário do insensato)? Presume-se que bênçãos; vide o livro de Provérbios o qual não citarei diretamente aqui.

Sejamos filhos de Deus com sabedoria e diligência, discernindo sempre o caminho bom do caminho mau e nos afastando radicalmente do caminho do mal. Deus quer que vivamos e que vivamos vida plena e que nossos dias sejam proveitosos na Terra. Que não sejamos ridicularizados pelo que não fazemos, mas sim por amar ao Senhor e que nos gloriemos apenas em estar com o Senhor. Sintamos a dor dos outros e não deixemos ninguém pra trás no amor do Senhor.

Finalizando: Sejamos sábios. E como podemos ter sabedoria? É simples; peça a Deus de todo o seu coração e terá. É sem precedentes o que Deus pode fazer nas nossas vidas se quisermos e deixarmos. Melhor é amar ao Senhor acima de todas as coisas e à sabedoria que , segundo o livro de Provérbios,  nos chama pelas ruas e por todo o caminho; chama-nos para o saber; para que sejamos filhos amados do Senhor.

Isso tudo faz parte da nossa terapia com Deus. Não só ler a Palavra todos os dias, mas aprender com ela todos os dias. Assim, podemos ser sábios e sermos amados por Deus, bem como também amarmos a Deus.

A paz do Senhor seja com todos nós!



Todos os textos e imagens de JuveMetodistaBLOG são licenciados sob uma Licença Creative Commons. Clique aqui para saber mais sobre isso.
Leia também:
2leep.com
Deixe seu comentário!

Postar um comentário

Olá, ficamos felizes com sua visita no JuveMetodista BLOG! Obrigado por ler este post! Aproveite sua visita e deixe um comentário! Forte abraço!

Página Anterior Próxima Página